Beit El Shamah ®. Todos os Direitos Reservados.

+55 (21) 2490-2427 

Dois caminhos: "Curto e Longo" ou "Longo e Curto"

September 6, 2017

No Talmud conta uma história (pelo Rabino Yehoshua Ben Chanania)...

 

"Uma vez uma criança conseguiu tirar o melhor de mim. Eu estava viajando e me encontrei com uma criança numa encruzilhada. Perguntei-lhe: Qual o caminho para a cidade? E ele respondeu: "Este é curto e longo e aquele é longo e curto".

 

Pequei o "curto e longo" caminho. Eu logo avistei à cidade, mas o caminho estava obstruído e não tinha como chegar lá.


Então VOLTEI e disse à criança: Meu filho, você não me disse que este é o caminho curto? Respondeu a criança: Mas eu disse que também é longo...

 

Os atalhos sempre enganam e são perigosos. Ontem foi publicado uma carta do Rabino Chefe de Israel, que lamentou que pobres pessoas tenham sido enganadas no brasil com uma conversão inválida (texto abaixo).

 

As pessoas que foram vítimas disto, podem tomar uma decisão difícil, mas que as levará ao caminho correto, o que é "Longo", mas ao mesmo tempo é "Curto", pois dá acesso verdadeiramente a "Cidade" (a uma conversão correta).

 

Busquem fontes seguras, rabinos na sua cidade ou cidades vizinhas, expliquem a sua situação e busquem ajuda para serem encaminhados a uma conversão correta, segundo a Lei Judaica, respeitando as autoridades rabínicas.

 

Pode parecer que este caminho pareça longo, mas é o mais seguro e com certeza chegará no destino, numa conversão válida.

 

Abaixo a íntegra a Carta do Rabino Chefe de Israel igual a tradução juramentada:

 

“Ao (as pessoas que a carta foi endereçada) que D’us os guarde e os mantenha.

 

Com referencia a seu apelo em relação às conversões realizadas pelo Rabino Chaim Amsalem no Brasil, enviei-lhes uma carta oriunda do Marán Rishón leTzión, o Gaón Rabino Yitzchak Yossef, que tenha vida longa, amém, assinada pelo diretor-geral do Grão-Rabinato, afirmando que Grão-Rabinato não reconhece essas conversões.

 

O Rabino Amsalem, em sua conduta e comportamento, se excluiu da regra geral, e está absolutamente tanto desqualificado como como Juiz, como proibido realizar quaisquer conversões.

 

Trata-se de uma pessoa que deprecia os Grandes Rabinos de Israel e não escuta suas vozes. Até mesmo seu Professor e Mentor, o Rabino Mazuz, que tenha longa vida, amém, revelou sua opinião contra ele, de forma enfática. O Rabino Amsalem abriu, em Jerusalém, um Instituto de Conversão com os rabinos do Tzohar. O Instituto que dirige não é aprovado pelo Grão-Rabinato, mesmo para aqueles que se converteram ao Judaísmo na Terra de Israel.

 

O Rabino Amsalem e seus parceiros polvilham areia aos olhos do público, ao apresentam a carta do Rabino Gaón Elyahu Abergel, que tenha longa vida, amém, que supostamente o apoia em relação às conversões. E não é bem assim; o Rabino Abergel lhe deu o consentimento para arrecadar dinheiro para aproximar judeus afastados e nada além disso.


Nada foi definitivamente mencionado sobre conversões. O acima mencionado (Rabino Amsalem) se conduz com atilamento e com astúcia, afirmando, diante do público, que o Grão-Rabinato de Israel e o Rabinato no Brasil são preconceituosos, ai daqueles que escutarem isso, pois, para legitimar suas ações, culpa os Grandes de Israel.

 

Depois de eu entrar no lugar sagrado, para receber a benção do Rabino Yitzchak, que tenha longa vida, amém, fui inequivocamente instruído a informar todos aqueles que se vierem converter sob os cuidados do Rabino Amsalem, que, ao chegarem à Terra de Israel, terão que passar por todo o processo desde o início. Ao final, somente se converterão aqueles que o Grão-Rabinato julgar adequados.

 

Portanto, é uma grande pena que o Rabino Amsalem e seus parceiros enganem todas aquelas pobres pessoas que se desejam converter, de fato, ao Judaísmo.

 

No final das contas, é necessário informar todos os conversos que é uma pena, mas que terão que se submeter ao processo duas vezes, o que lhes causará uma profunda e inacreditável angústia. Quem desejar uma verdadeira conversão esclarecerá, junto ao Grão-Rabinato de Israel, qual é o caminho correto a seguir.

 

Atenciosamente,

Rabino Yaron Ashkenazi

Diretor espiritual

P.S. A carta foi inteiramente redigida, de acordo com a ciência e instruções do Rishón LeTzión, que tenha uma longa vida, amém.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Os sábios ensinam que tem uma frase no livro "Cânticos dos Cânticos" que reflete de forma muito precisa estes quarenta dias de arrependimento, os 30 d...

O Segredo do MÊS DE ELUL!

September 6, 2017

1/10
Please reload

Posts Recentes

April 18, 2018